3 de outubro de 2003

estou mesmo de volta...
as aulas começam segunda feira... não é uma notícia que me apraze por aí além...

mas estou de volta de longe... de muito longe...

tomei um banho, algo no estômago a reconfortar... doem-me os olhos...não pela luminosidade ou por alguma sequela da operação mas por tua causa... e não é tudo culpa tua mas a dor nos meus olhos é efeito do que causaste (não eras tu que me falavas da causa-efeito?). escrevi-te muito... e disseram-me que o espaço que já existe entre nós não é suficiente, que tenho de te dar mais. e não, não concordei contigo e com o que disseste ontem, se calhar não fui suficientemente explícita nesse ponto. sim, as minhas mãos ainda cheiram a ti.



tive pena que, nos teus poemas não tenhas um com o meu nome por título (queria ter-to dito enquanto o cafá ainda aquecia o meu peito mas pensei que não compreenderias...)