3 de maio de 2012

tudo está bem


Eduardo Carranza 
in Um país que sonha (cem anos de poesia colombiana)

Sem comentários: